#Música: Você conhece o Orange Caramel? part.2


Como foi postado na última sexta-feira (29), o Just Running Away trouxe um pouco da história do grupo coreano Orange Caramel e apresentou análises dos quatro primeiros conceitos da subunit. Hoje, o blog traz a continuação com os outros quatro conceitos apresentados de 2012 até agora. 


#Música: Você conhece o Orange Caramel?


Formado em 2010, o grupo coreano Orange Caramel é uma subunit composta por três das oito membros do After School, grupo criado em 2009 pelas Pledis Entertainment e que sofre alterações até hoje. Conhecido pelos seus conceitos criativos, divertidos e até "loucos", o subgrupo vem ganhando popularidade entre os fãs, sendo estes playgirlz (fãs do After School) ou não. O Just Running Away traz uma análise de todos os oito conceitos apresentados pelo grupo desde o debut até agora e tenta compreender porque o trio vem se tornando as queridinhas do Candy Culture na Coreia.  Neste post serão apresentados os quatro primeiros conceitos. 


Tudo sobre o #Encomun!

         Segunda-feira, uma nova semana de muitos afazeres se inicia. Mas para alguns, a semana que hoje começa traz descanso e satisfação pelos trabalhos e esforços realizados na semana anterior. Entre os dias 18 e 22 de agosto ocorreu na Universidade Tiradentes o 1º Encomun: Encontro Nacional de Comunicação. O Just Running Away esteve presente, não só nas palestras e minicursos, como também na organização e bastidores do evento. A Unit trabalhava com o Encontro Sergipano de Comunicação – Ensecom, até o ano de 2013 e foi um desafio para a Coordenação do Curso de Comunicação Social sair de um evento a nível de Estado, para nível Nacional. Mas com o challenge accept e o apoio de professores dedicados, disponibilidade de ótimos ministrantes e o auxílio de monitores disponíveis para o que fosse preciso, o Primeiro Encomun aconteceu de forma espectacular. O evento contou com grandes nomes locais e nacionais do Jornalismo e da Publicidade e Propaganda, visando compartilhar as experiências com os graduandos que anseiam descobrir mais da profissão, além do que é aprendido em sala de aula.

Fanfictions: Interativas ou originais?

Tornou-se comum ver autoras reclamarem do descaso dos leitores quando se trata de fanfictions originais. Páginas no facebook de interação entre ambos os lados expressam claramente o desânimo de nós autoras em criar nossos próprios personagens, já que a procura por "não-interativas" é praticamente inexistente. O Just running away conversou com doze garotas sobre o assunto e reuniu prós e contras das duas formas de escrita, baseado nas respostas dadas. O objetivo da postagem não é apontar qual maneira é melhor que a outra, mas sim apresentar vantagens e desvantagens presentes tanto nas interativas, quanto nas originais. 






1. Bandas e artistas.
  • Personagens;
  •  Fandom;
 


2. Livros, séries, animes e filmes.
  • Interação entre personagens; 
  •  Enredo e dissertação;
 

Espero que tenham se identificado com o conteúdo apresentado e que tenha servido de ajuda para aqueles que se sentem com dúvidas sobre se arriscar nas tão temidas originais ou não. Mas e aí, gostou? Concordou ou discordou? A caixinha de comentário está logo ali a sua espera!
See ya~