Poesia de sábado — Esperar;

ESPERAR


Esperar...
É certeza do amanhã;
Incerteza do momento,
Ilusão de ser feliz.

É acreditar na existência do invisível,
Enxergar o que muitos não veem;
É dar vida ao que não existe;
É viajar no tempo futuro...
E retornar no presente momento,
Da ilusão do esperar.

É saber criar do “nada” o “tudo”,
Do problema... a oportunidade;
Das dificuldades... uma solução, uma saída.

A convicção que penetra,
Sobre a dúvida e a desfaz;
A razão da própria FÉ.
É o sonhar da noite,
Sobre a realidade do dia.


Escrito por: Rogério Santos
30.03.1992
____________________________________________________________________________
Rogério Santos, entre 40 e 50 anos, mas num sou velho não, viu?! Representante comercial, radialista, escritor quando dá certo e pai da dona desse blog! Já fui poeta um tempo, mas o tempo agora é outro que me falta. Ah, tempo danado!
6 comentários
  1. Adoro poesia! Adorei essa, preciso aprender a esperar e é uma boa inspiração. Sou muitooo ansiosa hahaha
    Beijoo!
    http://tipsnconfessions.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Raquel! Fico grato pelo seu comentário e feliz que tenha gostado. Ansiedade é um problema e precisamos sempre ter paciência!
      Abraço

      Excluir
  2. Que poesia mais linda, fiquei impressionada com a delicadeza das palavras. :)
    Que legal o seu pai ser colaborador do seu blog, adorei!!
    http://www.corujasemasas.com.br/
    Beijos! <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Cristiane!
      Muito obrigado pelo elogio, fico feliz em saber que gostou. Pois é, minha filha me deu um espaço aqui na tentativa de me fazer voltar a escrever. E não é que deu certo?
      Abraços

      Excluir
  3. Poesia muito linda! Gosto muito de ler poesia e me lembro da época que eu gostava (e conseguia) de escrever também :D Beijinhos, Beatriz.

    O Diário de uma Escritora Iniciante

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Beatriz! Obrigado. Por que parou de escrever? Pois eu, se me atreve, te digo para voltar, viu? Minha filha me deu este espaço aqui para me incentivar a escrever e, olha aí, deu certo!
      Abraços

      Excluir