Hey, são 23:23 e não há nada de proveitoso nisso!

Cá estou eu com o pescoço extremamente dolorido e vocês não sabem o que a pessoa aqui fez: Simplesmente saí com a galera e dancei flashback na calçada com direito a bater cabelo tudo, ou seja, meu pescoço tá mais zoado que bêbado em fim de festa, pois é.
Mas chega de falar de mim, vamos falar de: Priscila. No último dia 14, completou-se dois anos que essa coisa está no meu pé. Fala sério, eu sou um amor de pessoa por aturar essa criatura mandona, bipolar, maluca por roupas, e surtada. E eu deveria ter feito isso, é claro, no dia 14, maaaaaaaas por circunstâncias maiores - preguiça - isso está sendo feito hoje, então relevem.
Mas ok, vamos falar sério.

Quando usei o versículo 17 de Provérbios 17 no último parágrafo da fic, não foi em vão. Você sabe, e eu tenho certeza de que sabe, o quanto eu considero você. Tanto, que posso te chamar tranquilamente de 'irmã'. Irmã essa que sabe ser tão chata quanto uma irmã de verdade. Mandando, brigando, obrigando a fazer as coisas. Irmã essa que move céu e terra quando sabe que eu preciso de alguma coisa, irmã essa que mataria quantos fosse preciso apenas para me defender. Irmã essa a qual eu tenho orgulho de dizer que é minha. Olha, eu já postei aqui no ano passado, mas não vejo problema em dizer novamente. Eu não esperava que você se tornasse tão especial, entende? É como se eu dependesse total de você, chega a ser engraçado, porque nenhuma fanfic minha é publicada sem que você saiba ou sem que você aprove. Eu sempre, sempre venho te pedir pra me ajudar a me arrumar e só saio de casa quando você aprova. Todas as minhas histórias, sejam elas boas ou não, você sabe. Todos os sentimentos que eu tenho dentro de mim, sejam eles bons ou ruins, você sabe. Percebe a intensidade da coisa? Eu acho que não, porque nem eu mesma posso explicar o quão importante pra mim você é. E mesmo atrasada, eu quero que você saiba que eu espero de verdade que esses dois anos sejam os primeiros de muitos. E eu não só espero, como oro para que o dia que iremos nos conhecer pessolmente chegue logo. Tenho  certeza que você chorará muito mais que eu. Não que eu seja uma pessoa fria, longe disso, mas sim porque você é tão manteiga derretida que é capaz de começar a chorar desde agora. E aliás, eu espero mesmo que esteja chorando porque você sabe que amo fazer você chorar, haha. ♥ Enfim, Priscila Maria, eu te amo. E você sabe muito bem disso. Nunca se esqueça da sua brigadeiro que vive na esquina do fim do mundo. E principalmente, nunca se esqueça que esse cupcake aqui, nunca esquecerá de você. Aqui está nada mais nada mesmo que: o link do seu ~presente~. Eu sei que você já leu, mas quem liga? haha Happy 2nd birthday, my dear. ♥
2 comentários
  1. Okay, como você foi descuidada eu posso te abraçar e apertar com pescoço doendo e tudo pq sim.
    Bolinho, Brigadeiro tu é uma chata por me fazer chorar, uma malinha que sabe que eu sou o que vou sentir, mas não reclamo, porque esse também é um dos motivos que fazem a gente saber quando a outra não ta bem, consequentemente gerando ameaça a terceiros por causarem tristeza, claro.
    Mas, não se preocupe um dia, e isso é uma promessa, eu vou retribuir essas lagrimas ao vivo e vc vai chorar junto sim *sendo esperançosa pra não ser a unica manteiga derretida*
    Nem eu sei explicar o quanto você é importante pra mim, ou da sincronia perfeita do momento que vc apareceu me chamando pra ser sua beta, ontem mesmo tava pensando na total aplicação daquele velho ditado 'deus tira pessoas da sua vida para colocar outras melhores', você foi esse meu melhor, minha melhor, minha bolinho, brigado ♥
    Carla Thiarlley - vou começar a usar isso contra vc tbm - Eu te amo muito minha pequena, e pode continuar me amolando com fic, titulo, roupa, o que quiser, pq eu amo poder fazer isso e você confiar em mim pra isso. T.E. A.M.O ... ok?

    ResponderExcluir
  2. Esqueci de uma coisa: DESCULPA MUNDO MAS EU TENHO UM MARCADOR SÓ MEU NO BLOG DA THI *se acha*

    ResponderExcluir