Resenha #40 — '1000 Perguntas sobre Jornalismo'; Felipe Pena

1000 perguntas sobre jornalismo felipe pena
Título: 1000 Perguntas sobre Jornalismo 
Autor: Felipe Pena  
Páginas: 274 páginas
Editora: LTC
Sinopse: A pretensão deste livro é iniciar o aspirante a jornalista no contato com os principais conceitos sobre a profissão. O formato 'pingue-pongue' - jargão jornalístico para perguntas e respostas - busca facilitar a consulta. O livro objetiva mostrar o jornalismo em suas diferentes especialidades - policial, cultural, esportiva, política, investigativa, de opinião, digital, científica, comunitária, econômica, empresarial, e muitas outras. '1000 Perguntas sobre Jornalismo' propõe uma reflexão sobre os novos desafios da profissão de jornalista, incentivando a pesquisa científica e discutindo seus preconceitos e estereótipos. 

Um claro sinal de que o ano está acabando é a chegada do tão preocupante Enem. E depois de ter recarregado as energias e relembrado a profissional que sou num evento maravilhoso na escola que estudei o ensino médio, decidi trazer para esta semana um livro que vive saindo da estante para consultas afins. O “1000 Perguntas sobre Jornalismo” de Felipe Pena foi presente e, olha, um dos melhores. A ideia do post é, justamente, tentar ajudas nas dúvidas sobre qualquer curso escolher.


O livro tem o estilo “pingue-pongue”, isto é, de perguntas e respostas. No Prefácio, o único texto “corrido” do ensaio, Felipe Pena apresenta o jornalismo do século XXi, decretando que este teve seu início na cobertura dos atentados do 11 de setembro, em 2001, nos Estados Unidos; e explica como tem sido o desenvolvimento da área desde então, até o início da última década (pois o livro foi publicado em 2012). A partir daí, temos a razão para a elaboração do livro:

A pretensão desse livro é modesta: iniciar o aspirante a jornalista no contato com os principais conceitos sobre a profissão. O formato pingue-pongue, um jargão jornalístico para perguntas e respostas, facilita a consulta. A sugestão para escrever 1000 perguntas sobre jornalismo partiu do fundador da Universidade Estácio de Sá, Dr. João Uchôa, em setembro de 2004, durante uma conversa informal em sua casa. Como de hábito, ele me perguntou sobre o prazo de que eu necessitaria para realizar a tarefa. “Três meses”, foi a minha resposta. E ela se cumpriu.

1000 perguntas sobre jornalismo felipe pena

Mas quem é Felipe Pena?


Doutor em literatura pela PUC-RJ, Felipe Pena é jornalista, roteirista e professor. Autor de 16 livros, entre eles os ensaios “1000 perguntas sobre Jornalismo”, “1000 perguntas sobre Teorias da Comunicação” e “Televisão e sociedade: do Big Brother à TV Universitária”, já trabalhou na (agora extinta) TV Manchete, TVE Brasil e GloboNews.


O que isso quer dizer? Que ele tem bagagem e MUITA para responder as perguntas propostas no livro. “1000 perguntas sobre jornalismo” serve como manual-consulta para estudantes, recém-formados e, até mesmo, os que já são calejados na profissão. Pode ser considerado antigo, afinal, a edição que tem é de 2012, mas arrisco dizer que está mais atual do que nunca, os preceitos do jornalismo não mudam: coletar, redigir, editar e publicar informações com ética e responsabilidade são premissas que aprendemos desde, bem, sempre. É claro que, a pesquisa que Pena nos apresenta deve ser aprofundada, isto é, serve como um norte para que possamos conduzir melhor nossas dúvidas. Ainda assim, o ensaio se faz necessário para nos orientar nesse mundo jornalístico cheio de editoras e vertentes, mas que, falando pela categoria, a gente ama demais.

1000 perguntas sobre jornalismo felipe pena

Mais do que nunca, precisamos falar sobre ética jornalística, sobre que, de fato, é jornalismo e como combater a crescente onda de Fake News que assolam o nosso país. Como citado no trecho sublinhado na imagem, o caso Escola Base (São Paulo) em 1994, ainda nos choca, pois foi uma das maiores Fake News do nosso país com consequências absurdas, numa época em que a internet não estava em todos os lares, em todo o lugar, na palma da mão. Lidar com o acesso a informação, as redes sociais e a facilidade de conversão do público para uma notícia falsa é, hoje, primordial para um jornalista.


Seja para consulta pessoal, para pesquisa científica, para tirar suas dúvidas de iniciante, o conselho é este: leia 1000 Perguntas sobre Jornalismo. Tá tudo bem a gente ter dúvida com dois, três, dez anos de profissão. O que não tá tudo bem é persistir no erro, não é mesmo? Felipe Pena é incrível, seu trabalho é incrível e, bem, este livro é. E se é pra falar de jornalismo, vocês bem sabem que eu estou aqui para tagarelar!

E aí, curtiu? Conta aí o que achou. :)

Você também pode gostar:

0 comentários